segunda-feira, 31 de dezembro de 2007


Último post do ano... o que dizer em meu humilde bloguinho para encerrar esse ano tão importante para mim? Bom, 2007 será um ano que nunca vai ser esquecido em minha vida. sem dúvida foi o ano em que eu fui mais feliz, em que eu amei mais, em que eu me diverti mais, em que eu estudei mais, em que eu mais fiz amigos, em que eu vivi mais profundamente cada momento da minha vida. Foi um ano de definições e desafios. Definitivamente foi um ano de preparação para o ano que vem. Ano que será decisivo em muitas questões para mim. Algumas como o fim da minha faculdade, por exemplo. Se tudo der certo, ano que vem recebo meu diploma de Bacharel em Administração de Empresas (diploma bem suado, vale lembrar). Também será o ano em que eu farei um dos concursos que mais queria passar e que, pela primeira vez, vou me preparar a altura. Enfim, só tenho o que comemorar nesse fim de ano. Comemorar minhas conquistas, minha amadurecida na vida, meu amor que me faz mais feliz a cada dia, minhas aventuras, meus amigos de farra ou amigos verdadeiros (ambos me fazem felizes), minha família e tudo e todos ao redor. Me recuso a falar do mundo por que, ele sim, me envergonha a cada dia mais. Espero que as pessoas tenham mais consciência nesse ano que vêm, destruam menos o nosso planeta e se matem menos.



2008, bem vindo!!

quinta-feira, 27 de dezembro de 2007


Hoje o meu nome é ódio mas bem que podia ser desprezo. Odeio o ódio. Ele queima por dentro, te coloca para baixo, te afunda nos teus piores pesadelos sem pena nem compaixão de nada. E o pior, ele faz isso com você e faz com que você faça isso com os outros. Mas, sem dúvidas o maior sofrimento é o seu. Ele corrói sua alegria, destrói os seus sonhos e te faz não querer buscá-los mais. Faz doer feridas abertas ou reabre aquelas que sararam a muito custo. Isso é o que sinto por uma pessoa. O que ela sente de volta? Talvez inconformismo. Incorfomismo por perder uma batalha perdida única e exclusivamente por ela. Incorfomismo por não aceitar os fatos e viver em busca de algo que ela deixou escapar entre seus dedos.

Nada nesse mundo evolui sem respeito. Um relacionamento que não possui respeito entre seus componentes, é um relaciomento que tem data marcada para terminar. Uma traição aqui, uma mentira ali, um "perdão" aqui. Isso corrói. Destrói. Afunda. Isso faz levar ao ódio e a possessividade. E, consequentemente, ao desprezo. O desprezo por sua vez, requer distância. Física e mental. Talvez a segunda seja a mais difícil de todas. Como esquecer? Mas, mesmo não esquecendo.... Temos valor próprio. Isso é maior que qualquer outro sentimento que possa existir em nosso coração ou simplesmente em nossa mente. Valor e respeito. Eu sou a favor dessa bandeira. Me chamam muitas vezes de orgulhosa por isso, apenas por eu me dar valor. Eu me amo acima de qualquer outro sentimento, por maiores que sejam. E o respeito faz parte desse amor. O respeito a mim e a quem amo. E ver alguém ferindo isso dói. Dá ódio. Um elo que tem as voltas perfeitas.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Na verdade, sou boba...



Hoje fui embrulhar o resto dos presentes que ainda estavam desempacotados. Adoro essa época do ano. Adoro trocar presentes (apesar de nunca saber o que dar e nem sempre receber o que queria). Adoro armar a árvore de Natal, enfeitar as coisas... Apesar de terem transformado a data em algo completamente consumista (incluse isso até me incomoda, as vezes estou sem grana para presentes maaaassss.....), eu ainda amo o Natal. Acabei de embalar os presentes e juntei eles na cama: Tão lindo!!! Hehehehe Sou uma boba mesmo!!

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Natal

Confesso que a empresa que eu trabalho me decepcionou. Não deu sequer uma festinha de fim de ano.... os bancos do mesmo nível estão fazendo festas muito boas e lá.... só o barulhinho do ar condicionado e do telefone. Aff... Pra não dizer que não teve nada, mandaram UM panetone e um E-mail dizendo para guardar o ÚNICO panetone até o dia 19 e abrir junto com todos. Inacreditável isso.... Maaas, foi engraçado, confesso. Um dos funcionários levou os dois filhos pequenos e, como lá todo mundo ainda tem espírito de criança, rolou show de mágica de um funcionário. O mais hilário é que só elas descobriam como eram feitos os truques e todos nós ficávamos com cara de bobos sem entender como ele fazia as coisas sumirem. Foi meia hora divertida. MEIA HORA. Ai ai ai... ninguém merece isso. Pelo menos me deram a boa notícia de que irei folgar dia 31, isto é, quatro dias sem trabalhar!!!!!!! Lindo isso....
Acabei não indo correr na praia (imprevistos) mas, algumas plantinhas já foram devidamente plantadas. Estão lindas! Faltam as flores agora. Vou comprar um vaso para elas, eu acho.
Mudando radicalmente de assunto, estou lendo Harry Potter e as relíquias da morte... O que é aquilo??? Não estou conseguindo desgrudar dele. Muito bom. E grande....

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Descompensada



Peguei no http://uhull.com.br


As vezes eu realmente acho que sou descompensada. Sou capaz de passar semanas sem postar mas, as vezes, simplesmente quero postar a toda hora. Meu segundo post do dia. Sobre o que falar...? NADA. Apenas colocar minhas palavrinhas no ar, escrever o que vem na mente, saborear cada letra que digito e principalmente o meu estado de espírito. Passei de uma fase meio chata em que eu estava chorando todos os dias, para uma fase que procura simplesmente ser mais feliz. Com excessão de um stress no trabalho e o fato de eu estar engordando um quilo por mês, está tudo certo. Preciso me dedicar a perder peso rápido. Isso faz bem não só para o corpo, como para minha cabeça neurótica. Acho que amanhã vou correr na praia.
Hoje fiz uma coisa que amo: comprei flores. Amanhã pretendo plantá-las no jardim (isso dá um trabalhooooo) masssss, queima calorias. Vou unir o útil ao agradável. Comprei flores lindas, bem coloridas. Quero meu jardim bem florido para que eu possa ver borboletas nele. Sou apaixonada por borboletas e por flores. Por que eu sou uma administradora e não uma bióloga? Não faço idéia. Talvez por falta de oportunidade. Vou tentar fazer as duas coisas amanhã embora eu ache que não vá dar tempo.... tenho apenas a manhã disponível. Precisarei acordar cedo (não sei como, são quase meia noite e estou postando...). Preciso correr para acelerar meu metabolismo que está pior do que meu intestino...Enfim... a coisa será assim: 35 minutos em movimento. Nesses 35 min, terei que alternar: 3 min correndo, 2 min caminhando. Sete repetições dessas e estarei morta na praia. Que romântico isso!!!



Avisos estúpidos

Empresas tentam de toda forma evitar processos. Em alguns casos, chegam a colocar avisos completamente estúpidos em suas embalagens para evitar maiores problemas judiciais. Eis alguns exemplos que recebi por esses dias:

em um telefone celular
"não tente secar o seu telefone em um micorrondas"

em um tanque de gasolina de um carro
"Não use fósforo ou chama para testar o nível do combustível"

em uma bicicleta:
"Remover a roda pode influenciar na performance da bicicleta"

em um martelo:
"mau uso pode causar danos ao proprietário e lesões corporais"

em uma escova de banheiro
"Não use para higiene pessoal"

em uma máquina de lavar
"não coloque pessoa dentro da máquina"

em um parasol de carro
"não dirija com o parasol no vidro"

em um aplicador de queijo cheddar
"retire a tampa antes de usar"

em um lareira portátil
"perigo: risco de fogo(incêndio)"

em um secador de cabelos
"não use enquanto estiver dormindo"

em um pacote de doritos
"você pode ser um vencedor! Não precisa comprar. instruções dentro do pacote."

em uma embalagem de comida congelada
"Sugestão de servir: descongele"

em uma sobremesa pronta (colada no fundo do pote)
"Não vire de cabeça pra baixo"

no ipod shuffle
"não coma o aparelho"

em um pudim
"o produto estará quente após aquecido"

em um marcador elétrico de animais
"para uso apenas em animais"

em um ferro de passar roupas
"não passe as roupas no corpo"

em um remédio infantil
"não dirija carros ou opere máquinas depois de tomar esse medicamento"

em um adesivo para dormir
"Aviso: pode causar sonolência"

em luzes de natal
"Apenas para uso dentro ou fora de casa"

em um processador de comidas
"não deve ser utilizado para outros usos"

em um pacote de amendoins
"aviso: contém amendoins"

em um pacote de amendoins da America Airlines
"Instruções: Abra o pacote, coma os amendoins"

em uma fantasia do superman
"usar essa fantasia não dá poderes para você voar"

em uma serra elétrica
"não tente parar a serra com suas mãos ou genitais"

em um carrinho de bebês
"remova a criança antes de dobrar o carrinho"



Os três primeiros lugares nesse massacre foram:

1º: em um trator: "Perigo: Evite Morrer".
2º:em um transfer para camisetas aplicado a ferro: "Não utilize o ferro se estiver vestindo a camiseta."
3º:em um carrinho de bebês que possui uma pequena bolsa para armazenamento de objetos, avisando: "Não coloque a criança na sacola."


Inacreditável o que esse povo consegue... na boa....

"Não coloque a criança na sacola!" - Não esqueçam disso....

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Resolvi acordar cedo hoje para tentar resolver meus problemas. Mas, acabei ficando triste. Tenho tanta raiva quando eu quero muito uma coisa e tudo no mundo fica difícil... Estou tentando dar um jeito nas coisas para poder ter o luxo de sonhar com uma vida melhor no futuro mas, tudo se torna misteriosamente complicado quando você tem sonhos. Coisas tao simples, rotineiras, tornam-se grandes obstáculos para que você tente correr em busca dos seus objetivos. Tenho muita raiva disso. Imensa. Mas, tenho um conceito que sempre levo comigo: Nós devemos tentar sempre agir com positivismo. Somatizamos tudo o que nos envolve no dia a dia e, coisas negativas definitivamentwe não nos fazem bem. Nós não temos noção da capacidade do nosso cérebro. Chega a ser assustador as coisas que acontecem com o nosso organismo quando, por exemplo, estamos em uma fase bastante stressante ou com algum problema que você não consegue resolver. Particularmente, fico cheia de ronchas pela corpo sempre que tenho algum tipo de angústia. Normalmente em época de prova da faculdade ou até mesmo em fim de mês quando eu trabalho que nem louca. Esses dias recebi um e-mail (acho que muita gente já viu esse texto, eu já recebi umas três vezes), mas dessa vez ele me chamou muita atenção porque tenho pensado muito nessas coisas. Ele fala sobre a capacidade que o nosso cérebro tem de ler palavras mesmo sem suas letras estarem na devida ordem. Eis um exemplo:


De aorcdo com uma peqsiusa de uma uinrvesriddae ignlsea, não ipomtra em qaul odrem as Lteras de uma plravaa etãso, a úncia csioa iprotmatne é que a piremria e útmlia Lteras etejasm no lgaur crteo. O rseto pdoe ser uma bçguana ttaol, que vcoê anida pdoe ler sem pobrlmea. Itso é poqrue nós não lmeos cdaa Ltera isladoa, mas a plravaa cmoo um tdoo.

Sohw de bloa!!

Incrível isso... Sempre que leio este texto fica encantada! Mas, dessa vez veio outro texto junto que me deixou assustada. Este, na hora que bati o olho pensei "não vou conseguir ler...". E não é que consegui facilmente?? A dica é se concentrar no texto que você se acostuma com o formato das "letras".

35T3 P3QU3N0 T3XTO 53RV3 4P3N45 P4R4 M05TR4R COMO NO554 C4B3Ç4 CONS3GU3 F4Z3R CO1545 1MPR3551ON4ANT35! R3P4R3 N155O! NO COM3ÇO 35T4V4 M310 COMPL1C4DO, M45 N3ST4 L1NH4 SU4 M3NT3 V41 D3C1FR4NDO O CÓD1GO QU453 4UTOM4T1C4M3NT3, S3M PR3C1S4R P3N54R MU1TO, C3RTO? POD3 F1C4R B3M ORGULHO5O D155O! SU4 C4P4C1D4D3 M3R3C3! P4R4BÉN5!

terça-feira, 4 de dezembro de 2007

Modernos Contos Infantis

Ah, desisti de tudo o que eu falei no post anterior. Estou com uma crise existêncial terrível que está me fazendo escrever muuuittoo! Não sei o que diabos eu tenho mas, está me fazendo ter pesadelos e me fazendo passar o dia cansada por causa disso. Vou dormir aflita e assim que o sono bate, mais pesadelos. Ain...

Ainda bem que recebo meus E-mails malucos que sempre acabo postando aqui.... li um hoje muito hilário sobre os modernos contos infantis....
aí vai

PINÓQUIO
Pinóquio tinha uma namorada humana e sempre que transavam ela reclamava de
umas farpas em seu pinto. Pinóquio resolveu pedir ajuda a Gepetto, que lhe
sugeriu esfregar uma lixa, para aparar as arestas. Pinóquio saiu de lá
achando que tinha a solução ideal. Algumas semanas depois, Gepetto viu
Pinóquio andando todo feliz pela cidade Perguntou: - Como vai a
namorada?
Resposta do Pinóquio:
- E quem precisa de namorada?



CHAPEUZINHO VERMELHO

ChapeuzinhoVermelho andava pela floresta. De repente, o Lobo Mau saiu detrás
de umaárvore, pulou com uma espada, colocou na garganta da Chapeuzinho
Vermelho, edisse:
-Chapeuzinho, vou te arrancar os miolos! Chapeuzinho Vermelho foi até sua
cesta de pic-nic e calmamente retirou uma Magnum 44. Apontou pro Lobo Mau,
dizendo:
-Não vai não! Você vai é me comer, exatamente como está no livro !



BRANCA DE NEVE

Branca de Neve viu Pinóquio andando pela Floresta. Correu até ele, jogou-o
ao chão e sentou na cara dele, gritando:
-Minta pra mim! Minta pra mim!



TARZAN

Certo dia a Jane encontrou o Tarzan na selva. Sentiu-se muito atraída por
ele e,querendo saber sobre a sua vida, perguntou como ele se arranjava com
sexo
- Oque é isso? - ele perguntou.
Ela explicou o que era sexo e ele disse:
-Ah, eu uso um buraco no tronco de uma árvore.
Horrorizada,ela retrucou:
-Tarzan,você faz tudo errado! Vou lhe mostrar a forma correta. Jane se
despiu, deitou no chão e abriu bem as pernas.
-Aqui! - disse ela, apontando pra perereca. - Você precisa pôr o pinto
aqui dentro.
Tarzan tirou a tanga, aproximou-se da Jane e deu-lhe um tremendo chute na
virilha. Ela se contorceu toda de tanta dor. Mesmo assim, balbuciou:
-Por que diabos você fez isso?
-Só conferindo se não há abelhas.



HUHUHUHU

Pergunta que não quer calar: Qual o mais esperto?????

domingo, 2 de dezembro de 2007

hum.... resolvi que não vou mais divulgar meu blog e não tenho um motivo para isso. Apenas não vou mais divulgar. Ponto final. Vou escrever, escrever e escrever e, se quiserem, podem ler. Apenas terei o prazer de escrever.... sempre que der vontade. Surto de blogueira. Só isso.

segunda-feira, 26 de novembro de 2007

Que calor é esse? Não dá pra aguentar. Nesse exato momento estamos com 27º (são onze horas da noite e está chovendo lá fora) e a previsão do tempo para a semana que vem é de 34º.... isso mesmo, 34º. É muito calor, não tem quem aguente. Dormir é um inferno. Sem contar que estou gripada e isto me faz não aguentar qualquer tipo de ventilação em mim durante a noite. Parabéns Marina! Você está condenada a ficar sem dormir até sua gripe passar ou o tempo resolver ser mais bondoso (a alternativa 1 é a mais provável). Ai ai , mesmo assim eu ainda gosto daqui... Não temos temporais, furacões ou secas terríveis (como muita gente pensa). As secas exsitem em pleno sertão (que eu, pernambucana, não conheço). Mas isso é assunto para outros posts... (morro de vontade de conhecer o sertão!!!!!!). Enfim, vou indo antes que eu derreta e molhe meu teclado....

http://www.orkut.com/Community.aspx?cmm=31525507



sábado, 24 de novembro de 2007

SÁBADO?! Em casa =~~

Postando apenas por tédio. Sábado/noite/Marina/casa/gripe. Nem preciso dizer mais nada. Engraçado que sempre mofei em casa nos sábados e nunca senti necessidade de sair de casa nesse dia. Porém, esse ano a minha vida mudou completamente e eu descobri que sair, comer, beber, rir, dançar, falar alto e todas as outras coisas são muito boas de fazer em um sábado à noite. Uma bela gripe me pegou e estou presa aqui. Já dava até para sair para um programinha levinho mas não sei mais o que é isso. Posso dizer que eu e meus amigos estamos fazendo praticamente uma festa por semana de uns tempos para cá. Prefiro o "80" do que o "8". Se não dá para cair na bagaceira, deixa eu quieta mesmo. Posso até sair de casa dizendo que vou me controlar e poupar minhas energias para meu corpo e, principalmente meus anti-corpos, voltarem ao normal. O grande problema é que me conheço e, se estou gostando de verdade de alguma coisa, eu mergulho de cabeça. Consequentemente, se eu sair de casa hoje, a farra vai ser grande. Semana que vem eu desconto (até porque, estarei de férias da faculdade oficialmente YEAH!). Pena que não tenho férias do trabalho... ( a faculdade stressa mais, bem mais!!!!)...

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

video

Alguém pode me explicar como eles fazem isso??????

Odeio ilusionistas.... me sinto burra....

segunda-feira, 12 de novembro de 2007

Assim opera o cérebro humano: - beber álcool em excesso, como nós sabemos, mata neurônios, mas, naturalmente, ele ataca os neurônios mais fracos e lentos primeiro.

Neste caso, o consumo regular de cerveja, cachaça, whisky, vinho, rum, vodka, elimina os neurônios mais lentos, tornando seu cérebro uma máquina mais rápida e eficiente...

E mais: 23% dos acidentes de trânsito são provocados pelo consumo de álcool. Isto significa que os outros 77% dos acidentes são causados pelos filhos da p... que bebem água, suco ou refrigerante.

Seja inteligente... vá para o BUTECO!




**Se for beber não dirija.... apenas achei o e-mail digno de um post pela parte que cita os neurônios!!!!

quarta-feira, 7 de novembro de 2007

Mais um inconsciente....


Essa tartaruga tinha 70 anos e foi encontrada morta na praia de Intermares, em Cabedelo, João Pessoa (praia linda, vale salientar)..... encontrada morta, presa em uma estante de ferro que algum desgraçado que definitivamente não tem nada na cabeça, jogou no mar. O casco dela estava cheio de lesões causadas pelas tentativas da tartaruga de se soltar. Agora me respondam, sinceramente, tenho ou não tenho motivos de sobra para odiar os seres humanos? (De um modo geral, é obvio....). Matam animais direta e indiretamente... quantas milhões de vezes as poucas pessoas que se importam com o planeta vão ver seus esforços indo por água abaixo???? Se cada um ajudasse um pouco faria tanta diferença. Faço como posso... se meu único jeito de chamar a atenção das pessoas é através do meu humilde blog, aqui fica meu protesto. Volto a bater na mesma tecla que sempre bato e com muito orgulho: CONSCIÊNCIA AMBIENTAL!!!

terça-feira, 6 de novembro de 2007

Minha lida velha nova

Como pode uma coisa assim acontecer? Por que ir embora em busca de uma morte/suicídio? Por que me deixar assim, sem usar as cinco outras vidas que ela tinha direito? Ela sobreviveu a um veneno forte e ainda conseguiua sobrevência de seus filhotinhos.... ela pedia para ir pra o braço, pedia beijo, pedia para dormir na minha cama (as vezes nem pedia, simplesmente quando eu ia dormir ela já estava dormindo lá), dormia na minha cama sempre que viajava, brigava com todos os outros gatos e era a criatura mais dócil do mundo com todos de casa.... e sumiu. Sumiu assim como meu gato galegão que também desapareceu há um mês. A mesma pessoas malígna deve ter feito isso. Por isso prefiro os animais do que as pessoas. Eles não matam uns aos outros por maldade. Eles não são tão imundos como muitos seres humanos por aí. Minha véia era uma velha nova. Três anos de muita alegria e amor.... espero a sua volta, quero do fundo do meu coração acreditar que ela está trelando por aí e, a qualquer hora estará dormindo na minha cama de novo.... ela ainda têm cinco vidas.... não pode ir agora.... Por favor.

quinta-feira, 1 de novembro de 2007

Falando em público...


Falar em público para mim é uma faca de dois gumes. Eu detono ou me detono. Estou participando de uns worshops de sistema de informação na faculdade e, a cada rodada, mudamos de posição no debate.... No primeiro eu apresentei e me julguei péssima mas, a crítica me achou ótima e me encheu de elogios (descobri um talento NATO para as artes cênicas.... não sabia muito o que falava e convenci quem ouvia). Nesse segundo, eu era a crítica, preparei uma excelente e na hora senti o rosto quente até ouvir um comentário "nossa, como ela está vermelha"... desabei, gaguejei, não saiu nada das palavras bonitas anteriormente planejadas mas, como sempre, improvisei da melhor maneira que pude e.... nota máxima novamente. Juro que não sei porque as pessoas da minha sala acham isso. Acredito que seja pelo simples fato de ter uma boa dinâmica ao me expressar e procurar ser o mais clara possível, sem usar um vocabulário fraco para isso. Enfim, tenho mais dois workshops e dois seminários pesados pela frente. Só quero ver no que vai dar.

segunda-feira, 29 de outubro de 2007

Turismo ecológico



Postagem turística hoje...
Estou indo na sexta - feira novamente para Bonito - Pernambuco.... Só quem conhece esse lugar tem noção de sua perfeição. Localizado no agreste Pernambucano, Bonito não deixa nada a desejar se comparado as nossas praias. Sou apaixonada por praias e posso dizer que conheço quase todo o litoral Pernambucano mas, Bonito superou essa minha paixão... Bonito sugiu na minha vida há alguns meses, quando estava planejando um camping e procurando um roteiro. Passei o feriadão de 12 de outubro lá... de corpo e alma. O lugar é maravilhoso, suas cachoeiras são maravilhosas, o camping que eu fui é muito agradável. Acampar na beira do rio e ter a honra de dormir e acordar com o barulho de uma cachoeira é uma sensação inexplicável. Claro que têm sempre os bons e velhos mosquitos mas, quem ama acampar releva essas coisas e apenas desfruta da graciosidade daquele local. Vou fazer um rapel molhado de 32 metros na cachoeira mais linda de lá (sim, claro que estou com medo). Ela se chama Véu da noiva ( essa maravilha aí na foto). Eu mesma tirei essa foto no dia que fui. Prestando atenção, você verá umas cordinhas no canto direito da foto. É por elas que as pessoas fazem rapel. Não vejo a hora.... enfim, Bonito realmente é muito Bonito e eu recomendo o lugar como um dos mais Bonitos que existem... Vale salientar que me refiro a Bonito de Pernambuco e não do Mato Grosso do Sul (sempre que falo de Bonito na internet as pessoas vêm me corrigir dizendo que não é em Pernambuco). Ainda não conheço o Mato Grosso do Sul mas, com certeza, um dia ele estará em meus roteiros....

terça-feira, 23 de outubro de 2007

Consciência ambiental!!!

CONSCIÊNCIA AMBIENTAL!!! Esse é um objetivo que todos nós temos que seguir. É uma pena que as pessoas só estejam se dando conta da importancia desse assunto agora. A natureza já está dando sinais de que não suporta mais. São cada vez maiores os números de furacões, enchentes, secas, animais em extinção, desmatamento, rios poluídos.. até onde isso tudo vai??? Meu sonho é um dia ser ecologista e ver a natureza sendo desreipetada dessa maneira é triste demais. Recebi hoje esse E-mail e confesso que admiro essas atitudes de algumas empresas. Não tenho confirmação da integridade desse E-mail mas, acredito que seja verdadeiro.

"Agora já temos onde levar pilhas/baterias e óleo de cozinha para reciclar!
É isso mesmo! A partir de agora as Agências do Banco Real e as lojas do Pão de Açúcar estão com programa de reciclagem.
Sabe aquelas pilhas e baterias usadas que não sabemos o que fazer com elas? Pois é, agora está fácil! Basta levá-las a qualquer agência do Banco Real e colocá-las no Papa-pilhas. Este é mais um programa de reciclagem promovido pela instituição.
As pilhas e baterias de celulares, câmeras digitais, controle remoto, relógios, etc, etc... contém materiais que contaminam o solo e os lençóis freáticos deixando-os impróprios para utilização, podendo provocar problemas à saúde, como danos para os rins, fígado e pulmões. São eles: cádmio, mercúrio, níquel, chumbo, etc.
Não esqueça: o Papa-pilhas está disponível em todas as unidades do Banco Real.
Também já temos onde levar o óleo de cozinha usado para reciclar! As lojas do Pão de Açúcar, que já reciclam outros tipos de lixo, como papel, vidro, plástico e metal, reciclarão também óleo de cozinha!
Você sabia que apenas 1 litro de óleo despejado no esgoto polui cerca de um milhão de litros de água ou o que uma pessoa consome em 14 anos de vida? E ainda provoca a impermeabilização dos leitos e terrenos próximos, contribuindo para a ocorrência de enchentes.
Como fazer:
Depois que o óleo usado esfriar, armazene em uma garrafa plástica daquelas de 2 litros, se possível transparente. Tampe bem a garrafa e deposite-a no coletor de lixo de cor marrom da loja Pão de Açúcar, indicado para esta finalidade.
Todo óleo de cozinha coletado será encaminhado pela cooperativa às empresas recicladoras, que o utilizarão como matéria-prima para a produção de biocombustível.
Independentemente disso, pare imediatamente de jogar óleo pelo esgoto. Armazene em garrafas e jogue no lixo reciclável, e não nos rios!"

Enfim, não joguem pilha e óleo de cozinha no lixo... Eu jogo óleo de cozinha no lixo (O.O) porque não sabia o que fazer com ele. Aprendam vocês também!!!

segunda-feira, 22 de outubro de 2007

Mudanças

Estou tentando arrumar um motivo para minha mudança de blog mas, na realidade não tenho motivo. Desconfiava que a configuração do blogger fosse melhor que o uol blog mas, não tinha nenhuma certeza disso. Enfim, estou descobrindo o blogger...
Primeiramente vou arrumar a casa e avisar aos amigos...
Antigo blog (ou não): www.onlyideas.zip.net

Hoje irei participar de uma feira de empreendedorismo e pela primeira vez eu e a minha equipe iremos testar a popularidade do nosso produto. Trata-se de um chocolate muito parecido com uma truffa mas, com alguns diferenciais. Iremos comercializar uma pequena quantidade, com os tipos de embalagens diferenciadas. Confesso que estou receosa pois não tive acesso ao banner e nem as novas embalagens. Tivemos pouco tempo para desenvolver o trabalho para a feira e vai ser tudo meio improvisado. Mas, o produto é bom e estamos apostando nisso. A banca examinadora irá avaliar tudo, desde o produto ao nome escolhido, propaganda, marca.... Por enquanto o trabalho esá um pouco amador mas, até o final desse período iremos eaborar um plano de negócos mais detalhado e aí sim, iremos descobrir se, de fato, ele é viável.

Eu sou muito problemática com esse meu curso (administração de empresas). As vezes detesto ele e, em situações como essa, simplesmente adoro! Acredito que o que me faz gostar dele é a oportunidade de pôr em prática o que aprendo. Não aguento mais salas de aula, provas sempre parecidas, trabalhos padrões. As faculdades deveriam estimular mais a prática do conhecimento. Teoricamente os estágios servem pra isso mas não é novidade para ninguém que eles não são assim. Eu sou estagiária, já estou no meu terceiro estágio desde o começo do curso e posso afirmar que somos explorados como mão-de-obra barata.

Na edição da Veja na semana passada, o colunista Cláudio de Moura e Castro escreveu em sua coluna "Ponto de Vista" sobre isso. O título era "Falsos estágios". Entre outras temáticas, ele escreveu sobre uma nova proposta de lei que visa, de um modo geral, acabar com a exploração do estagiário como mão-de-obra barata. Ele defendeu que "só se aprende fazendo". Fiquei me perguntando se ele já foi estagiário. Realmente, só se aprende fazendo mas, tirar xerox não será um aprendizado muito útil. De fato, muitos estudantes pagam seus estudos com as bolsas dos "estágios", muitos estudantes estão em estágio realmente muito bons e a grande preocupação do escritor é se essa nova lei não irá acabar com o estágio assim como acabou com o antigo sistema de aprendizagem. Isso poderá acontecer sim. Por isso concordo apenas em parte com a coluna dele. Deve-se ter muito cuidado ao mexer com os estágios porque eles são a única fonte de renda da maioria dos estudantes universitários. Mas, alguém tem que fazer alguma coisa. Eu, como estudante universitária, não estou satisfeita com o atual sistema de estágios. Irei me formar em 2008 e assim como milhares de outros universitários, serei substituida por outro estagiário...