sábado, 21 de junho de 2008

Voltei!

E curada do stress e da gripe (não comentarei sobre isso, não estou muito feliz com o trabalho, isso me deixa maluca, passo dez horas por dia lá).

Pronta para os próximos quatro dias de muita farra. São João!!! Não vou viajar, apesar de querer muito. Me enrolaram tanto que não ia dar mais tempo de organizar nada e ficarei pela capital mesmo. Porém, nem tudo está perdido. Andei dando umas olhadas nas programações daqui e está tudo muito animado. Vai ter muito forró pé-de-serra de qualidade para se dançar.
Sim porque me recuso a chamar aquelas porcarias eletrônicas de forró... Aquilo é de baixíssima qualidade, com letras horríveis e só serve para dançar depois que você já tomou todas (pq aí, tudo o que tocar você vai dançar mesmo...)
Canjica, pamonha, milho, tapioca, pé de moleque... é muita comida boa junta. Sei não, mas algo me diz que vou engordar horrores esses dias. Pretendo queimar tudo dançando forró...
Só para matar alguns do coração, aqui seguem duas receitas das coisas que mais gosto de comer nessa época do ano:


Pamonha: Corte a base das espigas e descasque o milho. Limpe e lave as espigas e as folhas. Rale as espigas bem rente aos sabugos. Bata o milho ralado no liqüidificador com o Leite Moça, o açúcar e o leite. Reserve. Afervente rapidamente as folhas do milho em uma panela funda para amolecerem. Separe as menores e desfie formando tiras estreitas. Segure a folha no sentido do comprimento e faça duas dobras sobrepostas. Dobre ao meio, unindo as extremidades abertas. Segure o pacote pela extremidade e encha-o com o creme de milho, deixando bastante espaço vazio na borda. Feche o pacote, amarrando com a tira reservada. Cozinhe em água fervente, até que a palha amarele e as pamonhas fiquem firmes. Retire da água e escorra. Sirva quente ou fria.


Canjica: Deixe o milho de molho numa tigela com água de um dia pro outro.
Escorra o milho, passe-o para uma panela de pressão, cubra com água e leve ao fogo. Deixe esfriar até poder abrir a panela, verifique se o milho já está macio. Se não estiver, cozinhe mais um pouco. Depois junte leite suficiente para cobrir todo o milho e mexa de vez em quando com a colher de pau até obter um caldo grosso. Deixe esfriar e ponha na geladeira.Antes de servir, adicione o açúcar, o leite condensado e o coco ralado. Quem quiser pode ainda polvilhar com canela em pó.



A tal da canjica... parece um pudim.. deliciosa! Mas não é todo mundo que sabe fazer não. Eu nunca tentei (visto que sou um completo desastre na arte da culinária).

Enfim, o São João no nordeste é uma cultura forte e bonita. Envolve muito mais aspectos do que simplesmente música e culinária. É toda umas cultura local, muito forte no interior dos estados. Quem conhece sabe como é. Aos que não conhecem e têm vontade de saber o que é um arraial de verdade, sejam bem vindos!


21 comentários:

flávia. disse...

Nossa, me deu vontade de passar a época de São João no Nordeste! Ah, eu aaaamo pamonha, e amo canjica!
Melhoras pra sua vida, no seu trabalho, que dê tudo certo ae, de coração!
Beijo

Querido Diário Otário disse...

Poxa nunca tinha passado por aqui, mas gostei bastante :}
Bom, acho que um blog é mais um espaço pra descarregar tudo não?!
ahisuhau'sim sim vai entender :P
Beijos Nina (:

Camilla disse...

Deve ser bem legal...
Aqui não tem nada disso haha

Mar e Ana disse...

ai
adoro aaaaaaaadoro festas de São João!
Aqui elas acontecem mais nas escolas e em algumas chácaras particulares... difícil ter aberto pra público...
mas gente, pamonha, canjica hummmmm canjica! Eu amo canjica!
heheh

:**

Teresa disse...

não adianta ensinar a fazer assim hehehe. comida de milho tem que ensinar na prática... pq todo cuidado é pouco. qualquer coisinha errada estraga a comida toda heheheh
=*

TairineEllen disse...

Huum.. nem sei como passarei o São João! Acho que só a festa na escola e pronto... Odeio forró.. Tipo, o pé-de-serra ainda passa, mas os outros... ecaa!

Kissus =*

Anônimo disse...

A 2008-06-21
Marchas de S. João - Gaia 2008
Este ano têm como tema "Gaia e os Escritores"
Não perca!



As Marchas de S. João organizadas pelo Município de Gaia através da Empresa Municipal Gaianima são um dos momentos altos das festividades que decorrem nesta quadra no concelho de Vila Nova de Gaia.

Relembrar e reviver é um dos objectivos desta iniciativa, que pretende proporcionar o reforço do sentido de comunidade, incentivando a participação colectiva através das suas colectividades.

As Marchas de Gaia deste ano têm como tema "Gaia e os Escritores" devendo as 8 Freguesias/Marchas participantes glosar este tema, no que respeita à Letra e à Música de Marcha da Freguesia, quer no que concerne ao Carro Alegórico, aos Arcos e Balões e ao Guarda-Roupa.
Como vê no Porto e em Gaia também se festeja o S. João.
Um bem-haja

Rodrigo disse...

eeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

A farra só tá começando...
vai ser mto bommmmmmmmm
huahauhauhauhauhaa
bjo bjo bjo bjo bjo bjo bjo

Evelyn disse...

Que bom que você voltou!!!
Fiquei cheia de fome lendo esse post...

Beijos e boa semana

♥ Ca ♥ disse...

adoooro essas comidas!
hahaha comi pamonha ontem! =]
LALALA
tava tão gostosa! hahahaha..

nhaii eu tenho três afilhadas! =]

Rαfαεℓℓα disse...

Amooo pamonha de doce (sem queijo)
SJ é sempre uma delícia e muito agitado...e concordo com vc...existem letras de musica de forró eletronica que só serve pr'a deixar o povão mais louco e sem noção oO

Beijos, amo aqui ;*

JANPITER disse...

Não estar muito feliz no trabalho não é tão incomum... Boa sorte por lá.

No masi, adoro festa junina!

um abraço

*andei passeando por aqui na sua ausência

Taty disse...

Nossa Nina, ando com tanta vontade de ir a uma festa junina assim q vc nem imagina. Mas essas de verdade mesmo, não essas q tocam funk e pagode (nada contras, mas é festa junina, né?). Aproveite.
Um beijo!!

Ciça. disse...

Noosa! Adoro festas juninas!


:*

Mary West disse...

Arraiá soh é válido mesmo p/ comer, aki na minha terra tem tudo isso que vc citou e muito mais, se naum tomar cuidado engorda-se uns 2 kilos em cada barraquinha. ;)

Nathália disse...

Eu quero ir pra minha terra (Recife) pular São Joããããão!!!
Rsrs

Beijo!

A n i n h a a disse...

tenho visto muiita gente que adora curtir essa época do ano.
mais até do que eu imaginava.
Adoro as delícias dessa época. Paçoca, pé-de-moleque, canjica quentinha *-*
[tá dando fomee...]

feliiz São Joao pra vc, e dançe e coma muiiito, aproveita que é só uma vez no ano (y)
beijokaa

disse...

ahhhhhhhh, que delííícia!
forro pé-de-serra é tudo de bom! gente, que vontade de pro nordeste!
aiaiai que vontade! curte muuito por mim!

beijoos

Idylla disse...

concordo c vc....sj tem q ser forró pé de serra, nada d forró eletrobnico, como essas bandas horriveissssss por ai!!

bjo amei o post!!

Lay disse...

Hum...Já eu, não gosto muito dessa época do ano. As comidas são, realmente,ótimas.
Mas eu fico revoltada com as fogueiras que o povo costuma acender no meio da rua.
Devo mencionar também que não sou muito fã de forró. O pé-de-serra ainda vai, mas as bizarrices das quias tu falou no post me deixam irritada!
Que bom que tu voltou!

Serjones disse...

poxa, que sacanagem! deu até água na boca.